Quais são as formas de registro de marca no Brasil?

O registro de marca no Brasil é realizado no INPI e tem um procedimento a ser seguido para que a marca seja protegida.

Quando uma empresa decide registrar algum símbolo que seja um elemento distintivo, deve-se analisar em qual enquadramento definido pela lei se encaixa a imagem, nome, mascote ou, até mesmo, uma embalagem.

Mas quais são os formatos que podem ser registrados?

Marca figurativa: Quando a empresa deseja registrar apenas uma imagem que diferencie sua marca no mercado, quando quiser proteger logotipo específico por exemplo. Aplica-se para mascotes em 2D também.

Exemplo:

Marca nominativa: Aqui estamos falando do nome da marca, a expressão fonética que distingue o produto ou serviço. Aplica-se para quem usa o nome pessoal como marca.

Muitas vezes a identidade visual da marca acaba sendo criada após o nome da marca, nesse momento cabe analisar se o registro da marca nominativa faz sentido caso o projeto demore muito para ser executado.

Exemplo:

SKUDAR

Marca Mista: Esta é a forma mais comum de uma marca ser registrada no Brasil, afinal ela protege ambos os formatos da marca, o nome e o logotipo. Dependendo da forma que se protocola a marca, reivindica-se as cores, portanto se você aplica a marca em cores diferentes a melhor forma de proteção é em preto e branco.

Exemplo:

Marca Tridimensional: Neste formato, são protegidas as embalagens, formatos de produtos e mascotes em 3D. Essa forma de marca ainda é pouco explorada no Brasil e fica completamente ligada ao design de produto.

Exemplos:

Marca de posição: Modalidade de proteção da aplicação da marca em um local específico no produto que seja singular e distintivo. Criado no ano de 2021 é uma novidade no sistema brasileiro de proteção de marcas.

Exemplo:

Como saber qual escolher?

A forma que a sua marca é criada torna a escolha do formato de registro bem intuitiva e fácil de entender, mas se ainda restarem dúvidas, a melhor escolha é entrar em contato com um profissional especializado para lhe orientar tanto na definição do formato, quanto no processo de registro.

Posso ter apenas um formato de marca?

Não, você pode ter quantas marcas desejar, em tantos formatos quanto forem necessários para proteger o conjunto de produtos e serviços que a sua empresa possui.

Agora que você sabe quais são os formatos protegidos pela legislação brasileira, não perca tempo, entre em contato com a Skudar e proteja a sua marca adequado ao seu projeto.

Verifique a disponibilidade de registro da sua marca